18 de mai de 2018

Mulher é investigada suspeita de forjar o próprio sequestro em Buriticupu

Francisca Keila se encontra à disposição da justiça



Uma mulher, identificada como Francisca Keila, está sendo investigada em Buriticupu por suspeita de ter forjado o próprio sequestro na segunda-feira (14). Por meio de nota, a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA) informou que a Delegacia de Buriticupu tomou conhecimento do suposto sequestro de Francisca Keila, por meio do namorado da vítima, às 19h da segunda-feira (14).
As polícias civil e militar foram mobilizadas para atendimento da ocorrência, e o Serviço de Inteligência a identificou na cidade de Açailândia.
Após o namorado da vítima contactar as forças policiais, Francisca Keila teria ligado para ele novamente informando que já havia sido libertada do suposto sequestro. Ela prestou depoimento e foi liberada em seguida. No entanto, após as investigações constatarem divergências nos fatos apresentados, Keila foi chamada novamente na tarde desta quinta-feira (17), na delegacia de Polícia Civil de Buriticupu, onde prestou novos esclarecimentos.
Caso seja comprovado o falso sequestro, a mulher poderá responder pelo crime do Art. 339 do Código Penal.

0 comentários:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós.

Pesquise