8 de nov de 2016

"Confiamos na justiça": Belezinha e Aluízio repudiam 'acordos' de Magno e demonstram tranquilidade com julgamento de processo que acontece hoje no TRE

Antenor Ferreira 

Após polêmica que estampou blogs de renome estadual, a prefeita de Chapadinha, Ducilene Belezinha e o secretário de infraestrutura e articulação política, Aluízio Santos, que se encontram em Brasília, buscando a liberação de recursos para continuidade e conclusão de obras paralisadas no município, entraram em contato com nossa redação, para repudiar os supostos acordos entre Magno Bacelar e desembargadores do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e dizer que acreditam na justiça desse país.

Secretário Aluízio Santos e prefeita Belezinha, durante eventos de campanha, em Chapadinha 

Belezinha mencionou que o vazamento de tal informação mostra acima de tudo o desespero de Magno Bacelar, que após ter sua mentira desmascarada, tenta a todo custo evitar sua impugnação, já que sequer poderia ter sido candidato nas últimas eleições. 

A gestora mencionou que confia na idoneidade da corte do TRE, que com certeza não cederá as artimanhas do político. Para ela, Magno tenta repetir o que pode ter ocorrido no Tribunal de Contas da União (TCU), que de maneira misteriosa tirou seu nome da lista de inelegíveis e somente após cobrança de seus advogados, reconheceu o que taxou como "erro técnico". 

Aluízio Santos segue a mesma linha e disse que estará logo mais em São Luís, onde pretende acompanhar pessoalmente o julgamento do processo, que pede a impugnação da candidatura de Magno. 

O secretário mencionou ter a certeza que a justiça será feita, prevalecendo a verdade e acima de tudo a vontade do povo. 

Aluízio destacou que o desmascaramento de Magno Bacelar é algo vergonhoso e que causará revolta no seu eleitorado. O político passou todo o pleito eleitoral mentindo a aliados e eleitores, ao dizer que era ficha limpa, quando na verdade havia sido condenado a 08 anos de inelegibilidade, ainda em 2014. 

Além da recomendação do Ministério Público Federal (MPF), de impugnação da candidatura de Magno, o político viu água abaixo a tentativa de aprovação de uma liminar, que visava anular a decisão da corte do TCU, que o tornou inelegível até 2022. 

O último grito de desespero do político foi ir na tarde de ontem ao Palácio dos Leões, acompanhado do deputado Levi Pontes, para pedir apoio de Flávio Dino, na votação que ocorre logo mais. 

Uma fonte nossa nos enviou a imagem de Magno no saguão de espera. Uma cena no mínimo hilariante, haja vista o sarneysista de carteirinha que é, e que agora resolveu apelar ao governador, para tentar salvar seu sonhado mandato: 

Sem saída: desesperado Magno vai atrás do governador Flávio Dino 

Bom, resta-nos aguardar o resultado desse julgamento, que deve ocorrer logo mais, a partir das 14:00h. 

0 comentários:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós.

Pesquise