22 de jun de 2016

No Espírito Santo casal é preso por torturar e abusar sexualmente de duas crianças

As vítimas foram socorridas com hematomas pelo corpo; uma delas estava em coma
Do R7, com Rede Record
Um casal foi preso suspeito de torturar e estuprar as filhas dela, uma de cinco e outra de oito anos, na cidade de Vila Velha, Espírito Santo, na última segunda-feira (20). Uma das vítimas está internada. As investigações começaram há um mês quando a menina de oito anos foi internada no Hospital Infantil da cidade. Ela tinha marcas de agressões por todo o corpo. Desconfiados, os médicos do hospital acionaram o Conselho Tutelar. 

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Thyago Melo, as lesões mostram que se trata de um crime de tortura física e psicológica.


— O estado de saúde era tão grave que no momento da perícia a menina estava em coma. 

O exame constatou que a vítima tinha hematomas nas coxas, braços e abdômen. A confirmação do abuso sexual veio do depoimento da irmã, de cinco anos, que também era abusada.  O homem, de 46 anos, e a mulher, de 30, foram presos na tarde de segunda-feira. 
No entanto, o pedreiro nega as acusações.


— Eu não fiz nada disso. Estão me acusando porque as meninas se machucaram durante uma briga das duas lá em casa.

A mãe das vítimas também desmente as acusações, mas confessou que o padrasto era violento havia um tempo.

— No passado tinha muita confusão entre ele e as meninas, mas ele mudou e parou com essas coisas há uns três anos. 

De acordo com relatos de vizinhos, a menina de oito anos sofre maus-tratos desde o ano de 2010. O delegado confirma a ocorrência sobre a agressão, além de informar que a vítima está internada. 

0 comentários:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós.

Pesquise