3 de abr de 2016

Semana com chuva forte em grande parte do MA; Chapadinha está entre as cidades com maior índice de chuva do país

Pancadas de chuva podem ser acompanhas de descargas elétricas.
Neste domingo (3), elas devem se distribuir em grande parte do Estado.


Do G1 MA

São Luís teve segundo maior volume de chuva
nas últimas 24h (Foto: Maurício Araya/G1)
A cidade de Turiaçu (MA), no litoral ocidental do Estado, registrou nas últimas 24 horas um dos maiores volumes de chuva de todo o Brasil. Segundo dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), foram 61,7 mm, apenas atrás de cidades do Pará (entre 107,3 mm e 129,6 mm) e da capital cearense, Fortaleza (73,4 mm).
No Maranhão, a capital maranhense registrou o segundo maior volume de chuvas das últimas horas (34 mm); seguida por Zé Doca (26,4 mm); Chapadinha (24,2 mm); Humberto de Campos (13,2 mm) e Bacabal (11,2 mm).
Segue o alerta do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) – ligado ao Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) – sobre chuvas localmente forte acompanhas de descargas elétricas no Maranhão, que neste domingo (3) devem se distribuir em grande parte do Estado.
Zcit, indicada em laranja, leva umidade do oceano para norte do país (Foto: Reprodução/CPTEC/Inpe)Zcit, indicada em laranja, leva umidade do oceano
para norte do país (Foto: Reprodução/CPTEC/Inpe)
O grande volume de chuvas dos últimos dias foi influenciado pela posição da Zona de Convergência Intertropical (Zcit), um sistema meteorológico que leva a umidade do Oceano Atlântico para o continente. Nesse período do ano, esse sistema costuma estar posicionado próximo ao litoral norte do país.
Desde o fim do mês de março, a Zcit encontra-se com dupla banda, possibilitando as chuvas não só no Maranhão, mas como em todo o litoral do Rio Grande do Norte, Ceará, Pará e Amapá.
Nesse sábado (3), a chuva forte alagou a rodovia estadual MA-201, conhecida como ‘Estrada de Ribamar’ – por interligar São Luís à cidade balneária de São José de Ribamar, na Região Metropolitana –, o que provocou prejuízos a motoristas. As imagens feitas pelo repórter Michel Sousa, do G1ganharam destaque no Jornal Nacional. No aeroporto de São Luís, passageiros informaram que tiveram voos remanejados para outros horários ou seguiram para outras cidades.
Estrada de Ribamar alagada após chuvas em São Luís (Foto: Michel Sousa/G1)Estrada de Ribamar alagada após chuvas na Região Metropolitana de São Luís (Foto: Michel Sousa/G1)









Condições do tempo para a semana
A semana começa com previsão de pancadas de chuva localmente fortes a qualquer hora em todo o Maranhão. A segunda-feira (4) deve ser de nebulosidade variável e pancadas de chuva isoladas nas regiões norte e sudoeste do Estado. Nas demais áreas, o sol até aparece, mas entre nuvens.

Em São Luís, as condições de chuva de curta duração, que podem ser acompanhada de trovoadas a qualquer hora do dia, seguem pelo menos até a próxima sexta-feira (8).

0 comentários:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós.

Pesquise