5 de ago de 2015

Pai mata a mulher grávida e seis filhos a golpes de machado, na Rússia


Uma família inteira foi encontrada morta em casa, na cidade de Nizhny Novgorod, a 440 quilômetros da capital russa, Moscou. Ao todo, foram sete vítimas: uma mãe e seus seis filhos. Foi uma verdadeira chacina familiar. A maneira como foram mortos foi tão perversa e impiedosa que o caso trágico espantou até a polícia. 

O acusado pelo assassinato em massa é o própria pai das crianças, Oleg Belov, 51. As crianças tinham entre um e sete anos, e foram agredidas até a morte a machadadas. A mãe deles, identificada apenas como Zinaida, estava grávida e foi morta da mesma maneira.

A polícia foi acionada depois que as crianças começaram a não frequentar mais as aulas. Já estavam mortas havia uma semana. A avó, mãe de Zinaida, cujo nome não foi revelado, também foi alertada sobre o sumiço.

Os corpos foram encontrados dentro da casa onde viviam. As crianças estavam desmembradas e foram deixadas dentro de sacos plásticos, segundo a polícia. O caso provocou revolta na Rússia. 

O motivo do crime é o que choca ainda mais. Autoridades russas que investigam o caso apontam para uma batalha de custódia. Separados, os pais se envolveram em uma disputa pela guarda dos filhos. Oleg Belov, ao que parece, se desequilibrou e cometeu a chacina contra a própria família.

Vizinhos disseram que Oleg Belov, após cometer os crimes, foi visto deixando a região onde a família morava. Na noite da última segunda-feira (03), o criminoso foi encontrado, misteriosamente, em um hospital psiquiátrico. Não há informações sobre a prisão, mas, caso sua participação no ato cruel seja comprovada, Belov terá muitos anos de cadeia. 


0 comentários:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós.

Pesquise