10 de ago de 2015

Dilma Roussef visita o Maranhão a partir das 10h dessa manhã

Governante entrega casas do 'Minha Casa, Minha Vida' em São Luís.
Dilma também participa da inauguração do Tegram, no Porto do Itaqui.


Do G1 MA

A presidente Dilma Roussef (PT) chega a São Luís nesta segunda-feira (10) para participar da cerimônia de entrega das casas dos residenciais Amendoeira e Santo Antônio, do programa "Minha Casa, Minha Vida", e da inauguração do Terminal de Grãos do Maranhão (Tegram), no Porto do Itaqui.
A presidente sairá da Base Aérea de Brasília (DF) às 8h30 e tem chegada em São Luís prevista para 10h45. Ela seguirá direto para o Residencial Santo Antônio, no Km 19 da BR-135, onde participará da cerimônia de entrega das unidades residenciais.
Após a cerimônia, a presidente segue de helicóptero para o Porto do Itaqui, na Avenida dos Portugueses. A previsão é de que Dilma chegue ao local às 13h40, onde participará da cerimônia de inauguração do Terminal de Grãos (Tegram).
Depois dos compromissos, a presidente se prepara para viagem de volta à Brasília, prevista para 17h40, no Aeroporto Internacional Marechal Cunha Machado.
'Minha Casa, Minha Vida'
De acordo com a assessoria da Caixa Econômica Federal (CEF), serão entregues 1.300 unidades de 43,5 m² no Residencial Amendoeira e 720 de 42,4 m² no Residencial Santo Antônio. Tambem será realizada entrega simultânea de 1.000 casas de 44 m² no Residencial Vila Paraíso, em Caxias (MA). Os investimentos são destinados a famílias com renda de até R$ 1,6 mil mensais.

Reportagem da TV Mirante mostra que algumas casas do programa foram entregues com problemas no Maranhão. Em Imperatriz, unidades foram entregues sem energia elétrica e, em Caxias, candidatos que não foram beneficiados invadiram as residências do Residencial Santa Terezinha.
O superintendente da Caixa Hélio Duranti esclareceu, em entrevista coletiva na sexta-feira (7), que possíveis problemas nas casas só serão consertados após a entrega, uma vez que as unidades ficam fechadas para evitar furtos e depredações.
Sobre as invasões aos residenciais, Duranti garantiu que a ligação da energia só é autorizada após a ocupação do proprietário, como forma de evitar ocupações irregulares.
Terminal
O projeto do Terminal de Grãos do Maranhão (Tegram) do Porto do Itaqui existe desde 2003. Após quatro cancelamentos, a licitação só foi realizada em 2012, quando também começaram as obras, que finalizaram neste ano.

O Tegram entrou em operação há quatro meses, período em que foram embarcadas 1,6 milhão de toneladas de soja em mais de 20 navios a mercados da Europa, Ásia e Oriente Médio.
Quinto maior em movimentação do Brasil e o primeiro da região Norte/Nordeste, o Porto do Itaqui, segundo em operação de granéis líquidos do país, é responsável pela exportação de 60% dos bens produzidos nos estados do Maranhão, Piauí, Tocantins e Bahia.

0 comentários:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós.

Pesquise