1 de jul de 2015

Última sessão do primeiro período de 2015, na câmara municipal de Chapadinha, é marcada pela frustração de oposicionistas

A convite do vereador Nonato Baleco, o secretário adjunto de agricultura do estado, José Adjahilson Sousa, esteve participando da sessão 

Antenor Ferreira

Plenário da câmara municipal de vereadores de Chapadinha-MA
Peço diante mão desculpas aos nossos internautas, pela demora na publicação desse conteúdo, justificada pelo acarretamento de tarefas, nesse período junino. Mas, trago agora alguns dos destaques da sessão que encerrou o primeiro período legislativo do ano de 2015, da Câmara Municipal de vereadores de Chapadinha, ocorrida na última quinta-feira, 25.

QUORUM 100% 

Como em poucas vezes a câmara pôde contar com 100% do seu quadro de parlamentares. Os 15 membros da casa garantiram presença na sessão, surpreendendo a tímida galeria que compareceu a casa. 

SECRETÁRIO FALA SOBRE MERCADO 

A convite do vereador Nonato Baleco, o secretário adjunto de agricultura do estado, José Adjahilson Sousa, esteve participando da sessão, prestando esclarecimentos quanto a suspensão de repasses a obra de reforma do Mercado Público do município, cujo o último repasse ocorreu em novembro do último ano. 

O secretário falou das problemáticas vindouras do processo de transição do governo, citando a grande quantidade de obras e convênios deixados em aberto pelo governo anterior, ao tempo que não ficaram recursos disponíveis para tal. 

Adjahilson explicou que algumas inconformidades do projeto também dificultaram a continuidade das obras, mas que a própria equipe da secretaria está colaborando para por fim aos empecilhos, possibilitando o quanto antes a retomada da obra. 

OPOSICIONISTAS EUFÓRICOS E FRUSTRADOS

Ao ouvir as palavras do secretário de estado, alguns parlamentares, dentre os quais Eduardo Sá, Marcelo Menezes, Nonato Baleco e Manim Lopes, exaltaram o tom de acusação de corrupção ou desvio de recursos por parte da prefeitura municipal, publica e imediatamente rebatida pelo secretário que ocupava a tribuna. 

Adjahilson mostrou não ter elementos que viessem e levantar tais suspeitas, contrariando quem esperava que ele fosse usar a tribuna da casa para atacar o governo municipal. Ou seja, "o tiro saiu pela culatra". 

OPOSIÇÃO LEVA VAIA

Mesmo em quantidade tímida, a galeria presente não se conteve ao ver os eufóricos oposicionistas, serem rechaçados pelo secretário de estado. Uma sonora vaia foi ecoada, fazendo com que a presidente da casa, Márcia Gomes, suspendesse a sessão, até a despedida de Adjahison, que prosseguiria para o município de Imperatriz, na região Sul do Maranhão.  

LOBINHO VESTIDO DE COMUNISTA

Ao usar a tribuna, o vereador Marcelo Menezes fez um discurso que deu o que falar, dessa vez posando de comunista. O parlamentar tentou vender ao público a existência de uma amizade com o governador do estado, Flávio Dino (PCdoB).
Foto arquivo 

Marcelo afirmou que iria marcar audiência pessoal com Flávio Dino, visando impedir a continuidade das obras do mercado público e suspensão de todos os convênios firmados entre o governo do estado e prefeitura de Chapadinha. Brincadeira, né?

Quer dizer então que Marcelo Menezes, de família declaradamente sarneysista, que na última campanha esteve lutando pela eleição de Lobinho, estaria hoje com todo esse moral, junto a Flávio Dino? 

Melhor nem comentar mais. 


AUSÊNCIA DE SECRETÁRIOS

Por motivos justificados os secretários de infraestrutura, Aluízio Santos, e a secretária de educação, Maria Coêlho, convocados pela casa, não puderam se fazer presente. 

FRUSTRAÇÃO...

Num resumo final da sessão, nota-se que apesar dos esforços a oposição que diz está com a bola toda, pode até está com a redondinha na mão, só que mucha. 

O esforço em atribuir irregularidades em obras, seja oriundas de convênios com o governo Federal, Estadual, ou recursos próprios, bate de frente com a clara mudança que passa o município, melhorando significativamente a infraestrutura do município e qualidade de vida da população. 

O que vimos foi mais um emaranhado de discursos vazios, que de novo, deram em nada. 

Veja mais imagens da sessão:



Presidente da casa, Márcia gomes, vereadora Francisca Aguiar e vereadora Raimundinha



Vereador Eduardo Sá e secretário Adjahilson

Secretário de estado e Nonato Baleco

0 comentários:

Postar um comentário

Sua participação é muito importante para nós.

Pesquise